You are currently browsing the category archive for the ‘saúde e beleza’ category.

As meninas do Corporativismo Feminino têm algumas palavras a dizer sobre Educação Sexual, german style.

Anúncios

(clique para ampliaaaaaaaaar)

O Daily Mail proclama: é chegada a hora das modelos cheinhas!

Sempre achei que algo assim seria natural em um mundo onde afinal a obesidade assume proporções epidêmicas.

Kaiane Aldorino, a “rocha” de Gibraltar

Deu no Estadão:

A representante de Gibraltar, Kaiane Aldorino, venceu neste sábado, 12, o concurso Miss Mundo 2009, realizado em Johannesburgo, na África do Sul. A vendedora, de 22 anos, derrotou competidoras de 111 países. “Esse é o momento mais maravilhoso de minha vida”, disse Kaiane. A representante do México, Perla Beltran, ficou em segundo lugar, seguida pela concorrente da África do Sul, Tatum Keshwar. Cerca de 1 bilhão de pessoas em todo o mundo viram a cerimônia de premiação pela televisão.”

***

Se fosse hoje, a Marta Rocha teria não duas, mas umas 20 polegadas a mais…

Vladimir Kush

Tio Rei, aquele que todos sabem ser um intelectual honesto e respeitador (isto é, tanto quanto lhe permite a condição de “reservoir dog”), escreveu o seguinte:

Discovery Channel

quinta-feira, 19 de novembro de 2009 | 5:57

“Pelo carinho que ela me dedicou à noite, ela gostou, sim”.

Esse é Luiz Inácio Lula da Silva, o presidente da República, referindo-se a Mariza Letícia da Silva, a primeira-dama, quando indagado se ela havia gostado do filme “Lula, O Filho do Brasil”, que assistira na noite anterior.

Eu entendi certo, né? O presidente da República está falando daquilo? Mais especificamente, daquilo naquilo? Eu, sinceramente, preferiria que Lula fosse mais transparente no uso do dinheiro público ou nas causas do apagão.

O que eu digo? Sei lá por quê, pensei em parte da programação do Discovery Channel.

Est modus in rebus, dizia o poeta. As coisas têm limites! Ou deveriam ter.

***

Pô, que implicância.  Outro dia Tio Rei escreveu o seguinte em um post:

“Sem Dona Reinalda, não sou ninguém. Nem sexo eu faço sem ela, vejam só…”

Dá pra ser menos transparente, Tio Rei?  Sério, ainda não me recuperei do choque de ter vislumbrado, ainda que por um breve momento porque minha imaginação não é tanta e meus circuitos neurais têm proteção, a imagem de Reinaldão e sua mão peluda praticando o cinco contra um no banheiro, provavelmente pensando em, sei lá, Ayn Rand.

***

Quer dizer, Tio Rei fica aí defendendo a menina do vestido curto mas se horroriza com o sexo presidencial.  Do Lula, porque das escapadinhas adúlteras de don Fernando em situação de assédio sexual contra a empregada, nem uma palavrinha até agora.  Nem pra dizer que é mentira!

Onde estão os inquisidores quando se precisa deles?

Deu no Valor:

Cremes com jeito de receita de bruxa chegam ao varejo

Cremes de beleza com ingredientes insólitos, e até mesmo repugnantes, como baba de escargot, veneno de serpente, esperma de salmão e fezes de pássaros vêm ganhando espaço na meca mundial dos cosméticos, a França. Com alegadas propriedades antirrugas ou hidratantes, esses produtos inspirados na fauna se beneficiam de uma tendência de consumo em voga, a do retorno às substâncias naturais. Os tratamentos cosméticos com ares de receita de bruxa já são vendidos em farmácias francesas e grandes perfumarias, como a rede Sephora, do grupo de luxo LVMH. (…)

Segundo um estudo da consultoria Mintel, especializada em tendências de comportamento dos consumidores, os fabricantes de cosméticos estão lançando cada vez mais produtos com ingredientes insólitos. Isso seria devido à proliferação de cremes no mercado. “Devemos escolher entre uma infinidade de produtos para a pele. Os fabricantes tentam encontrar novos e estranhos ingredientes que coloquem seus artigos em destaque”, afirma Alexandra Richmon, analista senior do setor de beleza da Mintel.

Continue lendo »

OneMillionYearsBCBIG

A loura primordial

Our species, Homo sapiens, is highly autapomorphic (uniquely derived) among hominids in the structure of its skull and postcranial skeleton. It is also sharply distinguished from other organisms by its unique symbolic mode of cognition. The fossil and archaeological records combine to show fairly clearly that our physical and cognitive attributes both first appeared in Africa, but at different times. Essentially modern bony conformation was established in that continent by the 200-150 Ka range (a dating in good agreement with dates for the origin of H. sapiens derived from modern molecular diversity). The event concerned was apparently short-term because it is essentially unanticipated in the fossil record. In contrast, the first convincing stirrings of symbolic behavior are not currently detectable until (possibly well) after 100 Ka. The radical reorganization of gene expression that underwrote the distinctive physical appearance of H. sapiens was probably also responsible for the neural substrate that permits symbolic cognition. This exaptively acquired potential lay unexploited until it was “discovered” via a cultural stimulus, plausibly the invention of language. Modern humans appear to have definitively exited Africa to populate the rest of the globe only after both their physical and cognitive peculiarities had been acquired within that continent.” [grifos meus]

Daqui.  (Via Gene Expression)

A leitora Ju Sampaio fez um comentário linkando este post de um interessante blog.  A questão do post é o uso inescrupuloso da beleza feminina, uma coisa à qual já estamos acostumados no negócio de cervejas mas que ainda parece ser uma novidade na seara política:

image0351

Ou não:

626309a6fe1f84b1ed0331447ffe7e4d

Quer dizer, pelo menos no que se refere à musa do axé (se bem que Regina Duarte, Ana Maria Braga e até a Hebe _ esta com alguma boa vontade, é certo _ já foram bonitinhas).

O post lembra, com razão, que causas de esquerda também já usaram este tipo de apelo.  Uma coisa que qualquer um que tenha sido universitário nos anos 80 está cansado de saber [cortesia: gatinhas da Libelú].

Bem, mulheres bonitas podem ser conservadoras?  Imagino que sim, até porque já conheci várias.  O problema da direita com esse negócio é entender o conceito, creiam-me, de forma completamente errada.  Agora, a pergunta interessante é saber se os campos ideológicos à direita ou à esquerda atraem mais as mulheres ou os homens.  Este trabalho da economista sueca Helena Svaleryd coloca bem a hipótese de que as preferências políticas de homens e mulheres sejam mesmo diferenciadas:

A basic prerequisite for representation of women to matter for policy is that men and women have different preferences regarding policy. There is ample evidence suggesting that this is the case. Surveys of men and women’s preferences using pools show that women are more concerned about social policy issues (see e.g. Funk and Garthmann, 2006, and, for evidence on Swedish data, Oskarson and Wängnerud, 1995). Among elected representatives there are also documented differences. In a study of Swedish MPs, Esaiasson and Holmberg (1993) find that female MPs were significantly more positive towards daycare centers and an ecological society than men. This paper also finds that there are important differences in the stated preferences of men and women.”

Aceitando que uma preferência por gastos “sociais” é uma proxy confiável para o posicionamento à esquerda no espectro político, parece razoável afirmar que as mulheres teriam uma tendência maior para o voto à esquerda que os homens.  Agora, de que maneira isso se traduz no segmento específico das “mulheres bonitas”, já é mais complicado especular.  A evidência episódica mostra que Scarlett Johansson apoiou o Obama, enquanto Ann Coulter, bem,  é a da direita

O que me chama a atenção, porém, é o ponto de partida do próprio poster do pessoal de Stanford: a idéia de que as mulheres conservadoras são “uma minoria marginalizada”  dentro do próprio movimento conservador.  Pois é, posso imaginar o motivo.

Do Valor de hoje:

França quer bem-estar como indicador

Associated Press14/09/2009 10:18 Texto: A- A+

PARIS – A França pretende incluir a felicidade e o bem-estar entre seus medidores de progresso econômico, disse hoje o presidente Nicolas Sarkozy, conclamando outros países a aderir a uma ” revolução ” no modo como o crescimento é acompanhado após a crise global.

O país vai adaptar as ferramentas estatísticas conforme o recomendado por dois prêmios Nobel que Sarkozy contratou 18 meses atrás para analisar novas maneiras de medir o progresso social. A França – cujo crescimento ficou abaixo de países similares nas últimas décadas, em indicadores padrão – também vai tentar convencer outros governos a mudar o acompanhamento econômico.

O presidente deu as declarações em discurso pelo primeiro aniversário da quebra do banco americano Lehman Brothers. ” Uma grande revolução está esperando por nós. Por anos as pessoas disseram que as finanças eram um criador formidável de riqueza, só para descobrir um dia que isso acumulou tanto risco que o mundo quase caiu no caos ” , disse Sarkozy. ” A crise não só nos deixa livres para imaginar outros modelos, outro futuro, outro mundo. Ela nos obriga a fazer isso. ”

Medir o bem-estar faria a economia francesa – famosa por sua curta semana de trabalho e pelos generosos benefícios sociais – parecer mais promissora.

Sarkozy pediu ao americano Joseph Stiglitz, ganhador do Nobel de Economia de 2001, e ao indiano Armatya Sen, Nobel de 1998, para liderar a análise. Sen ajudou a criar o Índice de Desenvolvimento Humano das Nações Unidas, indicador anual de bem-estar social que ajuda a formular políticas internacionais que levem em conta padrões de saúde e qualidade de vida.

O relatório dos economistas, entregue hoje a Sarkozy, recomenda transferir o foco estatístico do Produto Interno Bruto (PIB), que mede a produção econômica, para o bem-estar e a sustentabilidade. Eles defendem que mensurar a renda familiar, o consumo e a riqueza, em vez da produção da economia como um todo, reflete melhor os padrões da vida da população. Atividades fora do mercado, como a limpeza de casas, também devem ser consideradas.

O novo modelo também prega mais importância para a distribuição de renda e riqueza e para o acesso à educação e ao sistema de saúde. Também deve ser considerado se os países estão consumindo em excesso seus recursos econômicos e prejudicando o meio ambiente.”

***

Esse papo é antigo, mas que eu me lembre é a primeira vez que um país central leva a idéia a sério.

***

Sarkozy: até os conservadores franceses são diferentes…

***

Isto me lembra este gráfico que saiu em um estudo recente sobre bem estar comparado:

bemestarvspibpercapita

(clique para ampliar)

É incrível como os países latinos tendem a ser mais “eficientes” que os outros na conversão de recursos em bem estar subjetivo.

As setas azuis comparam diretamente os diferenciais de bem estar e de renda per capita de Brasil e EUA.

Spektor!

serrasms

Notícia interessante do informativo Teletime:

Lei Antifumo será divulgada por SMS

quinta-feira, 6 de agosto de 2009

A divulgação da Lei Antifumo no estado de São Paulo ganhou um reforço inédito nesta quinta-feira, 6. Na véspera da lei entrar em vigor, o Governo do Estado, por meio da Secretaria de Comunicação, fechou uma parceria com as quatro principais operadoras de telefonia móvel que atuam em São Paulo para alertar a população sobre o início da mudança. A partir de amanhã, Vivo, Tim, Oi e Claro vão disparar mensagens de texto (SMS)de cunho educacional sobre a nova lei para todos os seus clientes. A expectativa é atingir mais de 25 milhões de usuários de telefone celular nos próximos dias.

As operadoras de celular não vão cobrar a divulgação feita por torpedos. “Esta é uma enorme ação de responsabilidade social por parte das operadoras, que decidiram apoiar a lei ajudando na sua divulgação maciça”, afirma o secretário de Comunicação do Governo de São Paulo, Bruno Caetano, que coordena a campanha.

***

Suponho que se se tratasse de um governo petista estarámos agora vendo certos blogueiros tecer raciosímios sobre o “autoritarismo eletrônico” ou coisa que o valha.

Bom, acho que isso dá…quizz!

belas

Very successful gene pool

O autor do estudo que foi veiculado pela mídia como defendendo a idéia de que a evolução vem fazendo com que as mulheres estejam ficando mais bonitas saiu-se com uma ótima:

On the more amusing side, the media flurry did have one funny unintended consequence. The Fox News covered the story by telling the viewers that evolution is driving women to become even more beautiful. A note to future historians: when tracing back the turning point at which conservatives begun to believe in the theory of evolution, please cite my article.

Leia a resposta completa do estudo para entender a origem da confusão.  Na verdade o paper refere-se ao papel da atratividade no sucesso reprodutivo de homens e mulheres _ e conclui, bem pouco surpreendentemente, que se beleza não põe mesa, põe cama.   🙂

Provavelmente o resultado foi tão óbvio que o pessoal do Times resolveu apimentar a discussão…

aceo_donkey_burro_horse_oil_daily_painting_1

Deu no Jornal da Tarde: a gripe suína se espalha rapidamente pelas escolas

A Organização Mundial da Saúde (OMS) afirmou ontem que é mais fácil o vírus da gripe suína, que matou 33 pessoas no Brasil, expandir-se nas escolas. Em todo o mundo, crianças em idade escolar e adultos jovens continuam a ser os mais afetados, segundo o órgão. No Brasil, pacientes de até 14 anos representam 17% dos infectados. Ontem, o Estado de São Paulo confirmou mais 4 mortes, sendo uma menina de 4 anos da capital (leia ao lado), passando de 12 para 16. Às vésperas da volta às aulas, três cidades do Estado decidiram adiá-las: Diadema, Osasco e Campinas.

O porta-voz da OMS, Gregory Hartl, afirmou que não se sabe ainda por que os contaminados se concentram na faixa etária que vai dos 12 aos 17 anos. Uma das teorias é de que os casos estariam se disseminando de forma mais intensa nas escolas, onde, segundo ele, “é mais fácil o vírus se expandir”.”

Assim, sugiro mudar o nome da gripe: de “gripe suína” para “gripe asinina”.

bothred

E lembre-se sempre disto: existe um ESQUELETO dentro de você.

090722-body-glow-1p.hmedium

Esq., foto normal; centro, foto supersensível mostrando a luz própria do corpo; dir., foto infravermelha.

Deu na MSNBC:

Humans glow in visible light

Images indicate that glow brightens and fades daily; face shines brightest The human body literally glows, emitting a visible light in extremely small quantities at levels that rise and fall with the day, scientists now reveal. Past research has shown that the body emits visible light, 1,000 times less intense than the levels to which our naked eyes are sensitive. In fact, virtually all living creatures emit very weak light, which is thought to be a byproduct of biochemical reactions involving free radicals.

Atenção: isto não tem nada a ver com emissões térmicas em infravermelho.  É luz na frequência da luz visível, mesmo, embora tão fraca que o olho humano não consiga enxergar _ essa luz só pode ser captada por câmaras extraordinariamente sensíveis. E a coisa varia com a hora do dia:

The researchers found the body glow rose and fell over the day, with its lowest point at 10 a.m. and its peak at 4 p.m., dropping gradually after that. These findings suggest there is light emission linked to our body clocks, most likely due to how our metabolic rhythms fluctuate over the course of the day. “

Os pesquisadores também descobriram que as faces são mais luminosas que o resto do corpo, talvez por uma interação com a luz solar acelerando o metabolismo da face.  Eis aí porque ficamos enrugados, quem sabe.  🙂

Espera-se que essa técnica possa resultar em novas formas de diagnóstico.

Eu fico imaginando se isso aí não tem nada a ver com as famosas “fotos Kirlian” da década de 70…

Deu no Estadão:

Deborah Secco diz que não se acha ‘uma pessoa sensual’

Atriz se diz “muito mais menina”, embora tenha interpretado muitas lolitas em seus 20 anos de Rede Globo

Ela acaba de fazer 30 anos.  Absolutamente nada contra esta idade, mas tenho a impressão que a declaração tem caráter estratégico…pelo menos para quem já foi capa da Playboy pelo menos duas vezes, com 20 e 23 anos, respectivamente.

Matéria curiosa da Der Spiegel na Folha de São Paulo:

Moda da depilação pubiana desconcerta especialistas

Manfred Dworschak

A batalha contra os pelos do corpo chegou às áreas genitais. Os jovens cada vez mais sentem que seu pelos pubianos são nojentos e nada sensuais, adotando medidas drásticas para se livrar deles. A ideia não é nova, mas os possíveis motivos por trás da tendência atual preocupam várias pessoas.

Novamente, a indústria pornográfica apontou o caminho. No final dos anos 90, as primeiras estrelas pornôs começaram a aparecer com a região pubiana depilada. Na época era algo novo. Mas, atualmente, com a maioria das estrelas pornôs tendo seus pelos pubianos removidos, as mulheres com pelos pubianos naturais estão gradualmente se transformando em excentricidades em sites pornográficos. Elas aparecem aqui e acolá, é claro, mas apenas em sites fetichistas que exibem coisas como anãs e mulheres trajando látex.

Além disso, a depilação da zona íntima não é popular apenas entre as estrelas pornôs. Na Alemanha, pelo menos, as chances estão aumentando da garota ao lado também estar experimentando uma redução dos pelos pubianos.”

Na íntegra abaixo, para os com-pêlo e sem UOL…

Continue lendo »

640px-Rorschach_like_Inkblot.svg

Do Slashdot:

Editors on Wikipedia are engaged in an epic battle over a few piece of paper smeared with ink. The 10 inkblot images that form the classic Rorschach test have fallen into the public domain, and so including them on Wikipedia would seem to be a simple choice. However, some editors have cited the American Psychological Association’s statement that exposure of the images to the public is an unethical act, since prior exposure to the images could render them ineffective as a psychological test. Is the censorship of material appropriate, when the public exposure to that material may render it useless?

***

Dureza, essa.  Qual princípio privilegiar, o sagrado direito à informação ou a efetividade de um teste psicológico?

Mas eu pergunto, o quão efetivo é o teste de Rorschach?  Evidentemente, o direito à informação só deveria ser colocado em segundo lugar se o teste for altamente útil.  Algum psicólogo aí à mão?

No Slashdot:

“”Researchers at the Massachusetts Institute of Technology have developed a fabric made of a mesh of light-sensitive fibers that collectively act like a rudimentary camera. The fibers, which each can detect two frequencies of light, produced signals that when amplified and processed by a computer reproduced an image of a smiley face near the mesh. ‘This is the first time that anybody has demonstrated that a single plane of fibers, or “fabric,” can collect images just like a camera but without a lens,’ said Yoel Fink, an associate professor of materials science, who along with colleagues described the approach in a the journal Nano Letters. MIT suggested that the technology, if developed further, could give a soldier a uniform that would help him see threats in all directions. Optical fiber webs, by distributing the chore across a large area, would be less susceptible to damage in one area.” [grifo meu]

Essa gente só pensa naquilo.

Já eu fantasiei outras incríveis possibilidades.

Ontem mesmo discutia com minha consorte (ou, segundo alguns engraçadinhos, minha conazar) sobre a idéia da gente embarcar na onda da genética popular e encomendarmos um teste genético, tal como o provido por empresas como 23andMeNavigenics, ou DecodeMe.  Pois não é que a sincronicidade universal me mandou este artigo sobre Francis Collins, um cientista que fez um exame nas 3 empresas para avaliar a qualidade dos seus resultados?

Collins, who played a central role in the Human Genome Project and is rumored to be the next head of the National Institutes of Health, announced at the Consumer Genetics Conference in Boston last week that he had had his genome analyzed by the big three of direct-to-consumer genetic testing: 23andMe, Navigenics, and DecodeMe. He ordered the tests under a fake name, lest the genomics superstar get special treatment. His speech at the conference was the first time the companies heard that they had had Collins’s DNA in hand.

Collins said that sequence-wise, the tests “appear to be highly accurate”: there were almost no differences in the genotype information generated in the three different analyses. But there were significant differences in the numbers of genetic variations used to calculate disease risk, as well as the final risk score. For example, one company used 5 single nucleotide polymorphisms, or SNPs, to calculate risk for a particular disease, pronouncing Collins at low risk. Another used 10 SNPs, placing him at high risk, and the third used 15, concluding that he is at average risk. Collins also said that the analyses provided little information on his “carrier status,” meaning whether he carried genetic risk factors that didn’t influence his own risk of disease but could be passed down to future generations.” [grifo meu]

De volta à prancheta de desenhos.

queer eye

Blogueiros de direita

Parece que o Alexandre Soares Silva tomou gosto por este blog.  Agora, resolveu fazer um comentário sobre este post:

* Aparentemente esquerdistas associam apreço pela própria higiene com homossexualidade, e conservadores não. Fascinating stuff.

***

Mas, cá entre nós, este olhar lânguido que os blogs de direita deitam sobre os blogs de esquerda, o que é senão um queer eye for the straight guy?

Pois é, eu acordei querendo saber o que Tio Rei ia dizer da lei paulista que proíbe o fumo.  Ele foi coerente e se posicionou contra a lei, embora em nenhum momento tenha falado em “Serra”, mas sim, em “governo paulista”.

Essa passagem do seu post  é interessante:

Para mim, resta óbvio que há aí uma agressão a direitos individuais — até porque fumar tabaco não é ilegal. Ora, se quero me trancar num ambiente só freqüentado por fumantes e fumar até a exaustão, quem pode me impedir? Aí vou lembrar Albert Camus de O Mito de Sísifo: o suicídio é a única questão filosófica verdadeiramente relevante. Ainda que eu ache que as pessoas não devam praticá-lo.”

Então está combinado:  Tio Rei é contra o suicídio gratuito,  ele só aprova o suicídio que move as engrenagens do capitalismo…

chocolat_sheet

Cacau show

De reportagem do Estadão:

– Olhe bem para elas – tente desviar os olhos dos chocolates que Bibiana e Carolina Schneider, Sara Accioly, Vanessa Tréfois, Luciana Lobo, Carolina Carnicelli e Renata Fernandes têm nas mãos. Se você reconheceu alguma, sinal que é um amante de chocolate antenado. Se essas caras não dizem nada a você, corra para experimentar os chocolates que elas fazem. Jovens, formadas em famosas escolas de confeitaria no exterior, elas integram uma nova geração que cria chocolates de personalidade, combinando ingredientes à moda contemporânea, à base de essências florais, pimentas, bebidas, especiarias… a perfeita expressão do termo chocolate de autor.” [grifo meu]

Quero ver o que o paraíba vai dizer dessa.

testeguardian

Aqui.

Deu no G1:

Ivete diz que vira bicho quando está entre quatro paredes com o namorado

Ela disse que Daniel Cady a transforma em Dalila Leoa e mulher macaca.
Cantora disse que se sente gostosa, apesar das celulites que ela adquiriu em janeiro.

01837851400

Ivete Sangalo pede para os policiais a chamarem de gostosa. “Não é porque vocês estão trabalhando que vocês não podem olhar pra mim e me chamar de gostosa. Vai, fala bem baixinho: Gostosa, fala aí policial”, provocou a cantora no Farol da Barra. Ela pediu uma algema aos policials. “Me dê uma algema que eu faco uma bagunça” (Foto: Gilberto Silva/G1)

***

Insight súbito: será que Ivete está fadada a transformar-se na Derci Gonçalves do século XXI?

htc-magic-android-g2

Da Convergência Digital:

TIM e Huawei trazem Android para o Brasil

A Huawei Technologies e a TIM Brasil anunciaram nesta sexta-feira, 20/02, um acordo para trazer o Android, plataforma do Google, para o Brasil. É a primeira iniciativa na área no país, desde que a solução foi lançada, comercialmente, no ano passado, como forma de ‘rivalizar’ com o grande sucesso do iPhone, da Apple. A aliança também marcará a entrada da fabricante chinesa no mercado de smartphones 3G no país.

A Huawei anunciou sua entrada no Open Handset Alliance em dezembro do ano passado. A organização é formada por empresas que desenvolvem soluções e equipamentos em plataforma aberta, com o sistema operacional Android, onde é possível ampliar o leque de aplicações e serviços a serem ofertados para os assinantes da telefonia móvel.

No Mobile World Congress, evento realizado esta semana, em Barcelona, na Espanha, a fabricante chinesa apresentou os seus primeiros terminais com o sistema operacional Android. A previsão é ter o produto disponível para venda ainda em 2009.

Para o mercado nacional, segundo a Huawei, já há um grupo de especialistas da fabricante e da TIM Brasil trabalhando para o desenvolvimento das aplicações. Não há ainda informações sobre o lançamento do terminal no país tampouco o custo final dele para o assinante da operadora.

***

O bichinho parece ter agradado lá no Mobile World Congress.  Specs ici. Fotos do bicho na mão aqui.

Este blog recebeu um estranho pico de pageviews nas últimas horas caindo neste post.  Heidi Klum tem sido sempre um termo de busca popular por aqui, basicamente porque por algum motivo que ignoro tornou-se a primeira opção quando alguém procura por imagens da moça no Google.  Restou-me então, curioso que sou, tentar descobrir porque diabos tem um monte de gente procurando notícias da Heidi Klum.  Bom, descobri:

A nudez deHeidi Klum na capa da revista alemã “GQ” está causando polêmica. Segundo o site do jornal “The Sun”, um estilista alemão disse que a modelo está acima do peso para as passarelas.

Wolfgang Joop, um estilista alemão, disse que a modelo é muito pesada: “Ela é simplesmente muito grande”. Ainda segundo o “The Sun”, outros fashionistas europeus acham o mesmo. A agente de modelos Louisa von Minckwitz considera Heidi muito baixa e com muitas curvas.

Já Karl Lagerfeld acrescentou mais lenha na fogueira dizendo que não conhece Heidi Klum: “Não conheço Heidi Klum. Ela nunca foi conhecida na França. Claudia Schiffer também não sabe quem ela é”, alfinetou.

Porém, Heidi parece não se importar com as críticas. Em entrevista a “GQ” ela disse que aprovação de seu marido, o cantor Seal, é o que importa: “Meu marido viu as fotos. Acho que é bom estar sexy para seu parceiro”, disse a modelo .”

A tal da polêmica capa é essa:

017823763-exh001

(clique para ampliar)

Acho que a polêmica fala volumes (*) sobre o engajamento dos tais “fashionistas” com o combate à anorexia entre as modelos.  Porque, por Deus, essa moça está precisando de uma invernada, urgente.

(*) modo anglicismo on

playmates

(clique para ampliar)

Na Wired:

Today’s Playmates Are More Like Anime Figures Than Real Humans

Oh, Playboy, why do you want your “readers” to lust after androids? That’s the only explanation we can think of for the proportions of your lovely ladybots. We culled the stats for every centerfold from December 1953 (Marilyn Monroe) to January 2009 (Dasha Astafieva), then calculated each woman’s body-mass index.

A clear trend emerged: While real American women have steadily eaten their way up the BMI slope – just like American men – Playmates have gone from a sylphlike 19.4 to an anime-ideal 17.6.”

Realmente, faz diferença.

Continue lendo »

bruxinha

Eu sempre achei que a moça tinha lá seu potencial.

ingrid

(clique para ampliar)

Foto enviada por um amigo, que maldosamente comentou o seguinte:

“o spa das Farc é bom mesmo!”

Cabra safado!  🙂

(*) apud Pedro Dória

Saiu uma lista das 10 mulheres mais desejáveis em 2009:

1 – Eva Mendes 
2 – Megan Fox 
3 – Marisa Miller 
4 – Keeley Hazell 
5 – Anne Hathaway 
6 – Alessandra Ambrósio 
7 – Scarlett Johansson 
8 – Rihanna 
9 – Kristen Bell 
10- Kate Beckinsale

Fez-se justiça a Eva Mendes, creio eu.  Que anda dando um azar desgraçado no cinema, aliás.

Deu no Estadão:

Morre ex-modelo Bettie Page

LOS ANGELES – A ex-modelo e atriz Bettie Page, cujas fotos ajudaram a desencadear a revolução sexual dos anos 60, morreu na noite desta quinta-feira (11) em Los Angeles, aos 85 anos, informou seu agente, Mark Roesler, em um comunicado. Ela morreu de pneumonia em um hospital da capital da Califórnia. No dia 2 de dezembro, ela havia sofrido um ataque cardíaco, não recuperou a consciência e permanecia internada.

A partir de 1950, Bettie Page passou a ser a modelo mais fotografada do mundo, especialmente de biquíni e lingerie. Sua imagem virou febre e foi estampada nas cartas de baralhos e álbuns. Na época, seus pôsteres sensuais decoravam os quartos dos jovens.

***

Sempre gostei da Bettie, símbolo sexual de uma época mais ingênua (bem, talvez nem tanto).  Mas ao contrário do que andam insinuando as más línguas, não, ela não é do meu tempo.  🙂

Adeus, Betty, e bettyxmas

Deu no Physorg:

Female art students more sexually active than male science nerds: study

Female arts students at university are the most sexually active while male science students are the most likely to be virgins, Australian researchers said Thursday.”

***

E eu que pensava que a Ciência versava sobre descobertas surpreendentes…

gente-011-scarlett-decostas

Se depender de mim ela pode variar à vontade

Deu na Gloss:

Scarlett Johansson: “Meu maior medo é de que o público se canse do meu rosto”

(…)

Scarlett afirma que se considera, sim, uma mulher poderosa. “Mas não me deixo corromper pelo sucesso. Sou bastante apaixonada por tudo que faço. E uma empresária muito séria! E acho que a indústria cinematográfica tem muito pouca tolerância com atores famintos pelo poder (risos).” É ambiciosa e trabalha sem parar. Mas tem suas neuras: “Meu maior medo é de que o público se canse do meu rosto”. Por isso, seleciona com cuidado as produções em que atua. “Os filmes saem e você espera poder se orgulhar deles. Não quer que digam: ‘Ai, meu Deus, lá vem ela de novo!’”

***

Scarlett, a antiraimunda.

Matéria do NYT diz que até mesmo a mais antiga das profissões está sofrendo os efeitos da crise:

While the world’s oldest profession may also be one of its most recession-proof businesses, brothel owners in Europe and the United States say the global financial crisis is hurting a once lucrative industry.”

Mas o interessante mesmo na matéria é a descrição dos efeitos do fim do comunismo na Europa do Leste e da ascenção do negócio do sexo nos países ex-comunistas:

“Since the fall of Communism in 1989, the Czech Republic has become a major transit and destination country for women and girls trafficked from countries farther east like Ukraine, Russia, Belarus and Moldova, according to the police.

For nearly 20 years, tens of thousands of sex tourists have streamed into Prague, the pristinely beautiful Czech capital, drawn by inexpensive erotic services, an atmosphere of anonymity for customers and a liberal population tolerant of adultery. According to Mag Consulting, 14 percent of Czech men admit to having sex with prostitutes, compared with a European Union average of 10 percent.

Dozens of cheap flights to Prague have also ensured a flow of bachelor parties from across Europe, with multiple daily flights from Britain alone.

Será o fim das Natashas?  Duvido:

Hana Malinova, director of Bliss Without Risk, a prostitution outreach group, said she feared the current credit crunch was pushing more poor women into prostitution, since they could make more money selling their bodies — about 120 euros for a half-hour session at some upscale sex clubs in Prague — than flipping burgers at McDonald’s.

É quando as gatinhas já não te paqueram como antes mas você ainda não tem idade para usar a vaga para idosos no estacionamento da academia.

capa-caroline_miranda

OK, parem as rotativas!

A moça da direita na foto acima é Carol Miranda, sobrinha da cantora Gretchen que, para quem não sabe, é um patrimônio da cultura nacional (a inventora do conga-conga-conga, entre outras estrofes inesquecíveis da música popular brasileira).   Gretchen a indicou meses atrás como “Rainha do Bumbum” _ título, sabe-se agora, hereditário _ pois a nobiliarquia vinha sendo ameaçada por impostoras de fora do, digamos, círculo familiar da família Gretchen (como por exemplo por Andressa Soares, a mulher melancia, Grace Kelly, a mulher maçã, Daiane Cristina, a mulher jaca, Ellen Cardoso, a mulher moranguinho, e outras mulheres do reino vegetal de cuja existência podemos apenas suspeitar).

[Depois disso Gretchen confessou que Caroline é na verdade sua “sobrinha de consideração“, e não de sangue, o que causou certo escândalo na…bom, é difícil causar escândalo nesse meio]

A apresentação da herdeira à sociedade foi feito em grande estilo, com a moça de recém-feitos 19 anos cantando uma releitura de um antigo sucesso de Gretchen, agora intitulado, como pedem os novos tempos, de “Funk do Piripiri”.

Obviamente,  Carol não perdeu tempo e depois de fazer o ensaio “de rigueur” na Sexy Premium resolveu ir além e lançar-se no mundo da produção audiovisual ao aceitar estrelar um título da produtora “Sexxxy World” por um cachê de 500 mil reais _ quantia acima da média, pelo fato da musa declarar-se “virgem”.  Mas nesse caso, perguntará meu leitor mais afoito, como pode ela filmar um pornô?

Ah, a ingenuidade:

Carol Miranda topou. Mas em partes. Depois de receber uma proposta de R$ 500 mil da produtora “Sexxxy World” para ter sua primeira transa em frente às câmeras, a sobrinha de consideração de Gretchen aceitou fazer o pornô. Mas não vai perder a virgindade no longa-metragem, de 90 minutos.

A MC assinou a proposta para filmar “Fiz pornô e continuo virgem” na sexta-feira, 19, e já grava sua primeira participação no próximo fim de semana, em São Paulo. De acordo com sua assessoria de imprensa, Carol aparece em apenas uma cena e só fará sexo anal no filme, cujo tema são os anos 80.” [grifo meu]

Eu também fiquei me perguntando, leitor, porque motivo o filme tem como tema os anos 80, mas as arcanas razões para isso devem ser procuradas no próprio produto, para quem tiver essa curiosidade.  Mas vamos ao que interessa.

Declaração da cantora e atriz mostra a racionalidade por trás (ops) da decisão:

Estou sozinha, não estou namorando, e optei por fazer sexo anal. Vou fazer, continuar virgem e resolver minha vida. Depois, sei que vou encontrar uma pessoa bacana para ficar comigo e perder minha virgindade”, diz ela com ares de mocinha sonhadora. ” [grifo meu]

OK.  E depois tem quem reclame do “relativismo”.

[Mas sempre se pode recorrer, é claro, ao conceito de “virgindade técnica“]

É claro que não faltou quem observasse essa novidade: enquanto atrizes e outras celebridades veteranas começam a fazer pornô e só depois da estréia comecem “no anal”, como se diz no metiê, a jovem em questão inverteu a trajetória natural da carreira e começou pela heterodoxia, para só depois “entregar o ouro”.   São, talvez, os efeitos dos novos tempos.  Pensando bem, não deixa de ser um indício de uma possível revalorização daquela peça esquecida da anatomia feminina, o hímen.

Amiga minha de antigos carnavais gosta de contar que, quando na faculdade, uma das palavras de ordem da ala feminina do “movimento” era cantar a plenos pulmões o refrão “sexo anal derruba o capital“.   Sim, as moças rebeldes de antanho tinham o costume de preservar a “prataria” sem, no entanto, deixar de prestar tributo ao sexo livre.   Por algum motivo este comportamento, que no fundo (ôpa!) parece tão burguês, era entendido como profundamente (êpa!) revolucionário e contestador, talvez porque ao optar por uma forma de relação sexual desvinculada da reprodução humana seus praticantes imaginassem estar dando um tapa na cara de tudo isso que aí está.  Não podiam imaginar, é claro, que o Sistema seria capaz de criar Gretchen e o conga-conga-conga.

Não que Caroline Miranda esteja minimamente a par do caráter subversivo da sodomia:

Como a sua família reagiu?
Carol Miranda:
Todo mundo me apoiou. Foi uma proposta muito boa, e eu não sei se vou ter outra oportunidade como essa na vida.

Lavou, tá novo: eis a lógica a motivar todas as subprimes deste mundo.

(*)

Procurando por um determinado assunto na rede, topei com o site da Fenamilho. Abre aspas:

Maio é o mês da Fenamilho – Festa Nacional do Milho….A Fenamilho é uma realização do Sindicato dos Produtores Rurais, com apoio da Prefeitura Municipal e de empresas da cidade e da região – parcerias que dão sustentação e sucesso à extensa e diversificada programação.

O município em questão é Patos de Minas.

O que é interessante mesmo (bom, pelo menos para mim que não tenho maiores vínculos com o milho, seus derivados e sua cadeia produtiva) é que o site mantém uma galeria das fotos das Misses Fenamilho, começando em 1959, até hoje. E por mais que esse elenco de vencedoras certamente reflita também flutuações puramente conjunturais, como jabás, preferências pessoais dos jurados, etc, com certeza a galeria também mostra a evolução da noção de beleza através dos tempos (como podemos ver abaixo ao comparar a Miss mais antiga com a mais recente). Bom, pelo menos em Patos de Minas…

***

A galeria também oferece a oportunidade de avaliarmos a evolução dos nomes de misses através da segunda metade do Séc. XX ate a aurora do Séc. XXI. Começando pela indefectível Helena, de 1959, passando pela Maria Emília em 1960 e a Vera em 1961, até chegarmos na Raysilla (2002), Neila Nara (2003) e, ok, a Amanda (2007). Mas vocês não perdem por esperar mais um ano. 🙂

***

Isso porque o site mostra também as candidatas de 2008: Gisllene, Jaqueline, Jordânia, Júnia e uma inacreditável Katrina Rubiatânia…que aliás foi a vencedora do certame.  Parabéns, Katrina!

***

O que aconteceu com os nomes? Eu não sei. Favor perguntar aos verdadeiros responsáveis, os pais de moças como Katrina Rubiatânia (donos de nomes relativamente comuns como Geraldo e Mari Lúcia – ok, Dona Mari, nada contra a senhora ou sua família, mas Mari Lúcia já é meio the shape of things to come).

Dawning of intelligence

Great news:

Learning how to cook food stimulated a big leap in human cognition some 150,000 years ago, a new study suggests. Cooking breaks down fibers and makes nutrients more readily available, so our digestive systems then required less energy than those of creatures eating all raw foods. This freed calories up to feed our brains, the thinking goes.

Deu no UOL:

Gisele Bündchen surfa na Costa Rica

Bom, eu só vi a Gisele.

Arrasando Bangú

O NYT informa: óculos de sol são a nova bolsa Prada:

Prices for designer sunglasses have jumped to $350 or more in recent months, from an average of $250, retailers say, and the price spike has not turned off shoppers. “The youth of America has discovered sunglasses to be the aspirational and prestige item of the moment,” said Marshal Cohen, a senior analyst with the NPD Group, a market research firm. He predicts, “Sunglasses will replace the handbag as the image item” among teenage girls and young women.

While sales of handbags declined 14 percent in the last year, according to NPD, total sales in the $3 billion eyewear industry rose by 10 percent, even while the number of individual glasses sold has slackened — an indication there has been significant growth at the upper end of the market, Mr. Cohen said.

Why are designer sunglasses bucking the downturn of other luxury goods? Retailers and other fashion authorities cite It-bag fatigue (women have bought more bags in recent years than they can store in their closets), whereas sunglasses are still a novel way to acquire the cachet of a designer brand.

Me espanta que esta tendência só agora se revele lá fora _ aqui em Brasília pelo menos isso me parece estar rolando há muito tempo.

Bom, ao menos as Patis estão se preparando para o buraco do ozônio.

Ativos que não param de subir

Do Financial Times:

Heidi Klum: a model investment?

Want to outperform the Dow Jones Industrial Average? Invest in Heidi Klum.

According to the folks at Stockerblog, the Heidi Klum Stock Index – which consists of companies for which the German supermodel has acted as a spokesperson – has out shone the Dow over the past six months.

In this crisis-stricken environment, that means the HKSI is only down 4 per cent, compared with 14 per cent for the Dow.

(hat tip: Samurai)

Mas parece bom

Deu no Valor:

Bife de Kobe vira alvo de pirataria
Lilian Cunha, De São Paulo
07/07/2008

Apreciado pela extrema maciez, apesar dos preços elevadíssimos, o famoso bife de Kobe, preparado com a carne do boi wagyu, de origem japonesa, virou alvo de pirataria no Brasil. “Tem muito pecuarista que cria de qualquer jeito o animal cruzado e sai por aí dizendo que vende bife de Kobe”, reclama Sadao Iizaki, presidente da Associação Brasileira de Criadores de Bovinos da Raça Wagyu.

Iizaki já percebeu que vale tudo para conseguir os R$ 160 por quilo que pode custar a iguaria ao consumidor, e por isso lidera, com o Ministério da Agricultura e a Unesp de Botucatu, um trabalho para definir a padronização do “bife de Kobe brasileiro”. São apenas 30 os criadores de gado wagyu no país, que têm 800 cabeças de raça pura.

***

Eu confesso que jamais havia ouvido falar no bife de Kobe; de fato, no que diz respeito às delícias do carnivorismo, penso antes em Argentina, Uruguai ou Austrália do que no Japão.

Agora, pirataria de bife já é demais.

Deu no UOL:

Garotos maus” fazem mais sucesso com as mulheres, sugerem estudos

Os rapazes “do bem” provavelmente já sabiam disto: “garotos maus” têm mais sucesso com as garotas. A conclusão é de dois estudos divulgados nesta quarta-feira na revista “New Scientist” e pode explicar por que comportamentos anti-sociais persistem, apesar do custo que representam à sociedade.

As características mencionadas nos estudos são o narcisismo, a impulsividade, a insensibilidade e a atração por situações de perigo. Esses indivíduos também costumam enganar e explorar os outros, por sua natureza maquiavélica.

Ao longo do tempo, homens com esse perfil eram banidos e viviam sós, famintos e vulneráveis a predadores.

No entanto, esse comportamento pode ter trazido uma vantagem para esses homens: uma vida sexual fecunda, como afirma o pesquisador Peter Jonason, da Universidade do Novo México. Ele e seus colegas aplicaram testes de personalidade em 200 estudantes e detectaram que os “garotos maus” eram o que apresentavam maior número de relacionamentos de curto prazo. Jonason compara o perfil ao personagem James Bond, de “007”.

Outro estudo, com resultados similares, foi conduzido por David Schmitt, da Universidade Bradley, de Illinois. A pesquisa contou com mais de 35 mil entrevistas feitas em 57 países diferentes.

Ambos os trabalhos foram apresentados em um encontro sobre comportamento humano e evolução realizado este mês em Kyoto, no Japão.

Para o pesquisador Matthew Keller, da Universidade do Colorado, falta descobrir por que essas características, que parecem bem-sucedidas do ponto de vista evolutivo, não tornaram-se mais comuns entre os homens. Uma hipótese, segundo Keller e Jonason, é que esse sucesso está ligado ao fato de que essas personalidades são raras. Se não fosse assim, as mulheres seriam mais cautelosas“.

***

Por essas e outras é que eu sou bruto, violento e carinhoso.

Paper interessante do NBER:

Does Your Cohort Matter? Measuring Peer Effects in College Achievement

Abstract:

To estimate peer effects in college achievement we exploit a unique dataset in which individuals have been exogenously assigned to peer groups of about 30 students with whom they are required to spend the majority of their time interacting. This feature enables us to estimate peer effects that are more comparable to changing the entire cohort of peers. Using this broad peer group, we find academic peer effects of much larger magnitude than found in previous studies that have measured peer effects among roommates alone. We find the peer effects persist at a diminishing rate into the sophomore, junior, and senior years, indicating social network peer effects may have long lasting effects on academic achievement. Our findings also suggest that peer effects may be working through study partnerships versus operating through establishment of a social norm of effort.

Eu me lembro que a minha companheirada de colégio foi muito importante para que eu também me tornasse um nerd (ou, como se dizia na época, um CDF).

Aliás, um dos problemas em Brasília é que não existe, até certo ponto, a variedade de bons colégios que existe em outras grandes capitais como Rio e Sampa, onde a escolha do colégio delimita até certo ponto a “tchurma” que você quer com que seu filho se envolva. Aqui, existem colégios caros, mas ser caro não é sinônimo de ser bom, muito menos de uma maior seleção da garotada. Pelo contrário, colégios muito caros tendem a ser habitados por filhos de juízes, deputados e senadores, os quais muitas vezes são dos mais depravados exemplares humanos que se pode encontrar por aqui. Não me deixa mentir o caso do índio Galdino, que virou torresminho na mão de filhos da melhor sociedade brasiliense.

No Cosmic Variance, li isto _ um excerto de um estudo do Center for Work-Life Policy:

Based on data from 2,493 workers (1,493 women and 1,000 men) polled from March 2006 through October 2007 and hundreds more interviewed in focus groups, the report paints a portrait of a macho culture where women are very much outsiders, and where those who do enter are likely to eventually leave…

They also do well at the start, with 75 percent of women age 25 to 29 being described as “superb,” “excellent” or “outstanding” on their performance reviews, words used for 61 percent of men in the same age group.

An exodus occurs around age 35 to 40. Fifty-two percent drop out, the report warned, with some leaving for “softer” jobs in the sciences human resources rather than lab bench work, for instance, and others for different work entirely. That is twice the rate of men in the SET industries, and higher than the attrition rate of women in law or investment banking.

The reasons pinpointed in the report are many, but they all have their roots in what the authors describe as a pervasive macho culture.

Engineers have their “hard hat culture,” while biological and chemical scientists find themselves in the “lab coat” culture and computer experts inhabit a “geek culture.” What they all have in common is that they are “at best unsupportive and at worst downright hostile to women,” the study said.

Espero que alguém tenha controlado para “maternidade”…

Charlie Brooker explica porque o sexo dos animais não é interessante no Comment is free do Guardian:

Reason One: the lack of experimentation. It’s all rut, rut, rut as far as the animal kingdom’s concerned. You never see goats giving blow jobs or a pair of foxes trying out the reverse cowgirl position. Two dogs banging away in a shop doorway won’t even look round to check out their own reflections. They’ll sniff each other’s bums, but that’s about as warped as they get. There’s a crushing lack of imagination in animals’ sex lives … which might go some way to explaining reason two …

Reason Two: the lack of facial expressions. Human beings perform all manner of crazy facial distortions during intercourse – Peter Sissons one minute, Marty Feldman the next. It’s all part of the fun. Sometimes it’s tempting to break off in the middle just to point and laugh, especially when your partner pulls a face like someone who’s recently dropped a piano on their foot but is trying to conceal their agony.

Animals, on the other hand, don’t pull any expression at all – or at least nothing we humans can interpret. They look the same as always, ie glazed and bored and impossibly dumb. Concentrate on their faces and it’s like watching furry handymen changing a plug. There’s no passion there. Not even any kissing.

Reason Three: their genitals are all over the shop. Animal penises, in particular, are the stuff of nightmares. Kangaroos have a bifurcated penis – and “bifurcated”, for those of you watching in plain English, means “forked”. The echidna pushes the envelope even further: its penis has four distinct heads. Dolphins have retractable prehensile schlongs which can snake about like monkey’s tails, grabbing passing objects and throwing them into the air. Fun at parties? Yes. But sexy? No.

Olho vivo no STF. Deu no Estadão:

A expectativa entre os ministros é de que as pesquisas [com células tronco, n. H.] sejam liberadas por uma maioria apertada em plenário. Os placares mais citados internamente são 6 a 5 ou 7 a 4. Um novo pedido de vista, que poderia novamente interromper o julgamento, está praticamente descartado. Justamente por isso, o presidente do tribunal, ministro Gilmar Mendes, marcou o início da sessão para as 8h30 – o horário normal seria as 14h30.

Ainda segundo o Estadão,

[o Ministro Carlos Alberto] Direito, que é católico, fará uma comparação entre a Lei de Biossegurança aprovada pelo Congresso, que liberou as pesquisas, e legislações sobre o mesmo assunto de diversos países. Uma de suas alegações para proibir as pesquisas está baseada nessa análise. Direito dirá que os países que liberaram as pesquisas fizeram, antes, uma lei para regular o procedimento da fertilização in vitro, pelo qual é obtido o embrião. No Brasil, não há legislação sobre o assunto.

Com argumentos como esse, Direito vai se contrapor, ponto a ponto, ao voto do ministro que relatou o caso, Carlos Ayres Britto. Para que tenha sucesso, porém, precisa obter apoio de pelo menos cinco colegas. O STF é composto por 11 ministros no total.

Já segundo o Valor,

A expectativa dos grupos religiosos contrários ao uso de embriões humanos em pesquisas científicas está no voto do ministro Carlos Alberto Direito. Católico praticante, ele pediu vista do processo, em março, e os religiosos esperam que ele abra uma linha de argumentação contra os votos de Ellen e Britto. Direito poderá apontar algum problema formal no julgamento para evitar que os ministros voltem a debater o mérito da questão, defender que as pesquisas ferem o direito à vida, ou tentar garantir que a discussão sobre células-tronco não crie nenhuma jurisprudência para julgamentos futuros sobre o aborto.

Ou seja, o pau vai quebrar.

Então, vamos combinar assim: de um lado, as geleinhas celulares que jamais virarão gente, seja porque não têm como se desenvolver in vitro, seja porque são geralmente jogadas fora de qualquer jeito; e de outro, milhões de pessoas doentes ou deficientes às quais a Igreja Católica prefere negar a possibilidade de cura porque, afinal de contas, foi Papai do Céu que quis assim, apesar de papas moribundos terem direito a UTI’s móveis.

Façam suas apostas.

E no Guardian, as maneiras mais prováveis de morrer:

“Most people will die in bed, but of the group that don’t, the majority will die sitting on the lavatory. This is because there are some terminal events, such as an enormous heart attack or clot on the lung, where the bodily sensation is as if you want to defecate.”

Bem, pelo menos em Londres, certamente.

(via Scholars&Rogues)

setembro 2017
D S T Q Q S S
« maio    
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
Add to Technorati Favorites

Blog Stats

  • 1,546,676 hits