Um efeito colateral do post “Perdendo a virgindade” _ além de expor aos meus leitores que eu não entendo patavinas de internet _ é que um monte de gente está aparecendo aqui via Google, usando o argumento de busca “perdendo a virgindade“.

Como suponho que o meu post (apesar do número inabitualmente alto de comentários) não deve estar fazendo tanto sucesso assim na blogoseira, sou forçado a admitir que tem uma porrada de gente singrando as internetz todo santo dia em busca, apenas, de descobrir um jeito de perder a virgindade.

Quem disse que a Internet não serve pra nada?