Já tem o teaser de Avatar no YouTube, mas com a “embebedagem” desabilitada.  Aqui.

Realmente em 3D deve ser uma sensação:

avatar1

avatar2

Mas os personagens CGI não me pareceram tããão realistas quanto eu imaginava, embora na telona o efeito costume ser diferente.

avatar4

avatar5

Também dá pra ver em alta definição no site da Apple.

Abaixo, matéria sobre o filme no Valor de hoje.

O diretor James Cameron quer fazer uma transformação titânica no marketing cinematográfico.

A Twentieth Century Fox vai exibir hoje a uma grande audiência, gratuitamente, trechos de “Avatar”, o novo thriller de ficção científica de Cameron, quatro meses antes do lançamento. Mais de 120 salas Imax nos Estados Unidos e em outros países vão exibir 16 minutos do filme em 3D – um evento sem precedentes em Hollywood, onde os estúdios raramente fazem exibições de prévias para uma grande audiência.

“Avatar”, primeiro longa-metragem que Cameron dirige desde “Titanic”, já há 14 anos em produção, leva altas expectativas do estúdio, do diretor e do público. A narrativa de um soldado paraplégico que viaja a um planeta distante chamado Pandora, o filme está gerando grandes expectativas dos executivos do estúdio de Hollywood e de outros interessados. Eles esperam que seja um sucesso de bilheteria, faça avançar a tecnologia 3D e amplie os horizontes dos efeitos especiais. Mas não é apenas Hollywood que aposta alto no filme: a Fox investiu mais de US$ 230 milhões só na produção.

(A Twentieth Century Fox pertence à News Corp., também dona da Dow Jones, que publica o Wall Street Journal.) Maior que todos esses desafios é a dificuldade de lançar um filme original em um momento em que Hollywood se tornou cada vez mais dependente de filmes baseados em marcas já existentes, como “Harry Potter”, “Crepúsculo” e “Batman”. Em contraste, “Avatar” cria um mundo alienígena inteiramente diferente, com uma história complicada que ainda não foi narrada em livros ou histórias em quadrinhos (embora Cameron esteja trabalhando em um romance sobre Pandora).

A exibição especial foi ideia de Cameron; ele diz que buscava uma maneira de seu filme se destacar em meio a todas as outras séries já conhecidas. “Precisamos plantar [o filme] na consciência do público”, diz o diretor.

Cameron diz que se deu conta que o visual único e os aspectos narrativos de “Avatar” são a grande força do filme, e ele não poderia promovê-los com um trailer normal que não incluísse imagens 3D.

Anúncios