Do “Blog do Servidor“:

Bye Bye Mangabeira

De saída do governo, o ministro Roberto Mangabeira Unger limpa suas gavetas na Secretaria de Assuntos Estratégicos (SAE) até amanhã, terça-feira. Unger não conseguiu prorrogar a licença de professor na Universidade de Harvard e, por isso, terá de retomar imediatamente a carreira acadêmica.

Harvard quer Mangabeira já na quarta-feira.

O ministro concluiu uma série de projetos que tratam da modernização do Estado. Defensor do mérito e do profissionalismo na administração pública, o ministro deixa um legado importante que terá de ser tocado por sua equipe – formada principalmente por gestores governamentais.”

***

Convenhamos que, para um ministro das ações de longo prazo, Mangabeira tinha um prazo de validade bastante curto.

Ô Idelber, como é que é aí esse negócio de licença de professor universitário nos EUA?  Considerando que ele virou ministro em junho de 2007, Harvard só dá licença de dois anos, não renováveis?

Ou será que é verdade a história de que ele caiu porque queria trocar de partido?

Anúncios